Ho’oponopono – Oração que limpa e dilui o sofrimento

Somos responsáveis por tudo o que acontece em nossa vida, mesmo as coisas ditas por a caso ou que foi o outro que nos causou, nos ofendeu, magoou , machucou, etc. Ao praticarmos a oração abaixo, exercitamos o sentimento de gratidão mesmo pelas coisas ditas “ruins”, mas que vêm para nos ensinar algo. Pois para DEUS não existe certo ou errado, há apenas a experiência!

Essa oração deve ser feita sempre que quisermos diluir emoções, memórias e nos liberarmos ou liberamos alguém, de tristeza, raiva, mágoas, etc. Pode também ser feita com o intuito de liber nosso corpo físico de algum distúrbio psicossomático, dor, enfermidade, etc.

 

Procedimento:

Sente-se num local bem relaxado e confortável, comece a se conectar a situação, pessoa, ou sentimento que te causa desequilíbrio, dor, ou mágoa.
Traga para teu coração todas as emoções envolvidas com essa situação, pessoa, ou sentimento
Sinta profundamente em teu coração todas essas emoções, sinta como se você fosse essa pessoa, situação, ou sentimento. Preste atenção nos sinais de teu corpo, se teu coração acelera, se há dor em alguma parte de teu corpo, vontade de chorar, deixe as sensações aflorarem em teu corpo.
Então comece a repetir as frase em voz alta para que você ouça:

Sinto muito, me Perdoe, Sou Grato(a), Eu te Amo.
Repita até sentir no corpo e no coração o desequilíbrio ir se dissolvendo, aliviando, pouco a pouco pode ir repetindo apenas mentalmente.
Ao perceber que tudo se diluiu, faça a seguinte oração:

“Divino criador, pai, mãe, filho em Um…

Se eu, minha família, meus parentes e ancestrais lhe ofendemos, à sua família, parentes e ancestrais em pensamentos, palavras e ações, do início da nossa criação até o presente, nós pedimos seu perdão. Que essa oração limpe, purifique, libere, corte todas as recordações, bloqueios, energias e vibrações negativas e transmute todas estas energias indesejáveis em pura luz… Assim está feito.”

oração

Eu sinto muito. Eu peço perdão. Eu te amo. Eu sou grato.

Experimente!

Com Carinho

Lenshari

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *